Notícias

24 de julho de 2017

Saúde de Natal tem assembleia nesta quinta (27) sobre o TAG




Servidores irão avaliar indicativo de greve e o Termo de Ajuste de Gestão, assinado pelo prefeito Carlos Eduardo

Nesta quinta-feira (27), as 08h, os servidores da saúde de Natal e os municipalizados terão uma assembleia no Sindsaúde para discutir a campanha salarial e a proposta de indicativo de greve. Desde fevereiro que os sindicatos aguardam o avanço das negociações, mas não há respostas e diversas reuniões foram adiadas. Na próxima semana, no dia 01 de agosto, o resultado da assembleia será levado a uma assembleia unificada, no Auditório do Sinsenat, com todas as categorias do município.

Após a assembleia, os servidores devem participar da audiência pública no Ministério Publico do Trabalho (MPT), sobre o Termo de Ajuste de Gestão (TAG), assinado pelo prefeito Carlos Eduardo Alves com o Tribunal de Contas no Estado (TCE). O prefeito assumiu o compromisso de não realizar concursos, dar reajustes ou qualquer tipo de aumento na folha de pagamento do município. Com isso, a correção das 30 horas e a data-base seriam negadas novamente neste ano e a possibilidade do concurso da saúde ser realizado fica cada vez mais remota.

A medida é um duro ataque ao serviço público, jogando a conta da crise para a população, através do ajuste fiscal. Ao mesmo tempo, o governo segue gastando com isenções às empresas, com publicidade e na manhã desta segunda-feira, foi revelado o desvio de R$ 22 milhões na Sensur, escândalo que atinge diretamente o ex-secretário Raniere Barbosa, atual presidente da Câmara dos Vereadores.

O Sindsaúde convoca todos os servidores a participarem da assembleia e da audiência.

Assembleia da saúde
Quinta, 27 de julho, 08h
Aud. do Sindsaude (Av. Rio Branco)

Em seguida, audiência pública no MPTrabalho



19/07/17 - Nota das Entidades da Luta Unificada sobre TAG assinado pelo prefeito Carlos Eduardo e o MP

 

Autor: Comunicação Sindsaúde

Boletim Eletrônico

  • Digite o código: 7191

  •