Notícias

07 de outubro de 2019

Deputados Estaduais suspendem votação do Projeto de Lei que dá reajuste de 16,38% para Procuradores do Estado




A manobra política de recuo da Governadora Fátima Bezerra (PT), foi um desrespeito aos servidores que acompanhavam a discussão desde às 9h e cobravam a derrubada do Projeto de Lei. 

Os servidores públicos estaduais acompanharam nesta quarta-feira (2), na Assembleia Legislativa, a discussão sobre o Projeto de Lei do Governo do Estado que quer conceder reajuste discriminatório de 16,38% somente para os Procuradores do Estado.

Por 11 votos a 10, a casa aprovou o requerimento do líder do Governo, deputado George Soares (PL), que pediu a suspensão da votação do projeto. A manobra política de recuo da Governadora Fátima Bezerra (PT), foi um desrespeito aos servidores que acompanhavam a discussão desde às 9h e cobravam a derrubada do Projeto de Lei. A sessão só foi encerrada às 15h.

A expectativa dos servidores é que o projeto seja votado na próxima terça-feira, 8 de outubro, às 9h, no plenário da Assembleia Legislativa. Por isso, nós do Sindsaúde RN convocamos todos os servidores da saúde estadual para comparecer a votação e juntos barrarmos mais esse ataque a classe trabalhadora.

Os Procuradores do RN recebem salário de mais de R$ 30 mil, os servidores da saúde estão há dez anos sem aumento salarial e com vencimento básico de R$ 998. Não vamos aceitar esse absurdo! Queremos reajuste de 16,38% para todos os servidores estaduais! ???#ServidoresEstaduais #SaúdeEmLuta

 

Autor: Comunicação Sindsaúde

Boletim Eletrônico

  • Digite o código: 6984

  •