Notícias

05 de junho de 2019

Sindsaúde divulga nota de repúdio ao fechamento do Hospital Ruy Pereira




Confira a nota oficial do Sindsaúde-RN 

O Sindsaúde RN vem por meio desta nota repudiar a decisão da governadora Fátima Bezerra (PT) de fechar o Hospital Estadual Dr. Ruy Pereira dos Santos, referência em cirurgias vasculares e no atendimento de pessoas em tratamento de doenças como “pé diabético” no Rio Grande do Norte.

A situação da saúde no RN é preocupante. Todos os dias, nós, trabalhadores da saúde, somos obrigados a conviver com a sobrecarga de trabalho e a insalubridade nas unidades, com a falta de materiais, medicamentos e até mesmo de macas e leitos.

Com essa decisão, nos perguntamos: onde a população será atendida? Terá de enfrentar filas e lotar ainda mais os corredores do Hospital Walfredo Gurgel? Terá que ficar rodando em ambulâncias procurando um único leito disponível? Até quando a saúde continuará sendo tratada com descaso?

O desmonte do Sistema Único de Saúde (SUS) é uma prática de governos anteriores e agora está sendo novamente implementada, prejudicando toda a população.

A informação sobre o encerramento das atividades do hospital foi confirmada por meio de nota da SESAP nesta quarta-feira (05). No entanto, o assunto ainda será pauta de uma audiência judicial entre a SESAP e o MPRN nesta sexta-feira (07). O Sindsaúde RN acompanhará de perto a discussão.

Segundo a nota, a proposta do Governo do RN é “distribuir os leitos existentes em outros hospitais da rede estadual de saúde”, como o hospital Giselda Trigueiro, Jose Pedro Bezerra na zona Norte e no anexo do João Machado. Ainda de acordo com a nota, os profissionais que trabalham no hospital Ruy Pereira “deverão ser distribuídos” nos demais para receberem os leitos que serão realojados. Porém, o texto não detalha como será essa redistribuição e nem mesmo se já há autorização do Ministério da Saúde.

Outro hospital que também está em processo de desmonte pelo governo de Fátima Bezerra (PT) é o Hospital Regional de Canguaretama, que sofre ameaça de perder metade dos leitos e dos profissionais.

DIGA NÃO AO DESMONTE DO SUS E AO FECHAMENTO DE HOSPITAIS NO RN!

 

Autor: Comunicação Sindsaúde

Boletim Eletrônico

  • Digite o código: 3381

  •